in

Brasileirão: Globo quer pagar menos do que combinado pelos direitos de transmissão

Reprodução Globo
Publicidade

O futebol brasileiro está paralisado devido à pandemia causada pelo novo coronavírus. Até o momento, ninguém sabe quando a bola voltará a rolar no país. O Brasileirão, principal torneio nacional, começaria em maio, mas sua real data de estreia neste momento é uma grande incógnita. A competição é muito importante para os 20 clubes que a disputam.

A Globo paga boa cota para cada clube pelos direitos de transmissão do torneio e isso é muito importante para cada equipe se manter equilibrada financeiramente ou pagar as muitas dívidas que alguns têm. A competição deste ano, porém, pode ser bem diferente.

Globo estuda pagar menos pelo Brasileirão

De acordo com o jornalista Cosme Rímoli, do R7, a Globo estaria estudando diminuir o valor da cota pelos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro. A emissora estaria planejando pagar entre 40% e 50% a menos para cada um dos 20 clubes que disputam a Série A.

Publicidade

A cota da TV é paga da seguinte forma: 40% valor fixo, 30% por número de partidas transmitidas e outros 30% por colocação final na competição. A diminuição pela metade primeiro se daria na primeira parte dos direitos de transmissão, mas pode chegar também até o pagamento do número de partidas e colocação final.

Publicidade

Globo pressionada pelos patrocinadores

Ainda segundo Cosme Rímoli, os patrocinadores do futebol da Globo, que pagaram R$ 1,8 bilhão à emissora pela exibição de 65 partidas no ano, estão pressionando por causa da paralisação das competições. Para tapar o buraco, a Globo tem apelado aos jogos antigos. Nos últimos domingo, exibiu conquistas da seleção brasileira nas Copas do Mundo de 1994 e 2002, além da Copa das Confederações de 2005.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Caso Ronaldinho: mais um castigo para o ex-craque no Paraguai

Dedé abre o jogo sobre Thiago Neves no Cruzeiro: ‘deu mole’