in

Corinthians: esse é o reforço que vai mudar tudo no Timão

UOL
Publicidade

O Corinthians está apostado em retornar no topo do futebol brasileiro. Ultimamente, as coisas não estão correndo tão bem assim para o Timão, mas o presidente Andrés Sanchez espera mudar o rumo do time e até já tem a chave do sucesso. Não que o time paulista não continue buscando novos reforços e possíveis melhoras para o elenco de Tiago Nunes, mas o primeiro passo para uma mudança positiva já teria sido tomado. 

Andrés Sanchez revela quem será o diferencial no Timão

Em declarações para o FOX Sports, o presidente do Corinthians se mostrou bem confiante com o futuro do Timão. Andrés Sanchez acredita que Luan vai marcar a diferença nos paulistas. Sabendo que o time não estava bem, o presidente vê em Luan capacidade para mexer com o jogo do time e elevar o futebol que o Corinthians estava praticando, um pouco abaixo do esperado. 

Luan chegou em janeiro, do Grêmio de Porto Alegre, e o jogador poderia realmente mexer com o time, assim que o futebol regresse. No momento, não tem ainda nem uma perspetiva de quando isso vai acontecer, até porque esse surto do novo coronavírus continua fazendo estragos por todo o Brasil. O futebol só deveria retornar, quando estiverem reunidas todas as condições de segurança para jogadores e torcedores. 

Publicidade

Presidente aposta tudo por Luan

Porém, quando esse momento chegar, Andrés Sanchez, acredita que o Corinthians vai estar bem melhor do que nas primeiras partidas dessa temporada. E isso vai acontecer com Luan liderando o time no gramado. “O Luan vai ser esse jogador pensante, que vai ajudar a fazer esse time jogar. É que ele está há 30 dias no Corinthians, tem um timing”, lembrou o presidente do time, alertando que todo o jogador precisa de seu tempo para se afirmar em um time. 

Publicidade

O meia Luan precisaria, então, de um pouco mais de tempo e Andrés Sanchez acredita que ele vai estar pronto quando as competições retomarem, e será ele o diferencial no time de Tiago Nunes, também o treinador um pouco contestado no início da campanha de 2020. A torcida está acostumada a grandes conquistas e nesse momento mais ruim do Timão, a pressa e falta de paciência poderia prejudicar mais ainda. 

“Nós perdemos grandes jogadores porque não esperamos. Marquinhos, Éverton Ribeiro, Weverton, que saíram do Corinthians praticamente enxotados, porque nem a imprensa e nem a torcida deu esse tempo que o jogador precisa”, lembrou Andrés Sanchez, pedindo tempo para seu elenco. O presidente mostra confiança e espera que os torcedores confiem também.  

Publicidade
Next post

Atlético-MG: campeão da Copa América pode ser reforço do Galo

Bolsonaro defende a volta do futebol no país: ‘está sendo trabalhado’