in

Sem bilionário russo, Fortaleza tem prejuízo milionário por causa do coronavírus

Divulgação Fortaleza
Publicidade

O futebol brasileiro está paralisado devido à pandemia causada pelo novo coronavírus e isso vai afetar em cheio as finanças dos clubes. A situação é preocupante porque ainda não há previsão de quando a bola voltará a rolar. A volta do futebol depende da autorização de representantes governamentais.

Enquanto o futebol não recomeça, os clubes contabilizam as perdas. O Campeonato Brasileiro, previsto para começar em maio, deve ser adiado. O torneio é uma das principais fontes de receitas dos clubes por causa da TV, da bilheteria e de patrocinadores.

Fortaleza amarga prejuízo sem futebol

O Fortaleza é um dos clubes da Série A que terá grande prejuízo em meio a pandemia. Sem jogos, o clube estima grandes perdas. De acordo com o presidente Marcelo Paz, em informação publicada pelo jornalista Jorge Nicola, do Yahoo, o clube cearense estima prejuízo de R$ 12 milhões.

Publicidade

O mandatário do Leão conta com prejuízo de R$ 4 milhões por mês. Este valor inclui sócio-torcedor, bilheteria, a última cota do Campeonato Cearense que não foi paga pela Rede Globo, além da cota do Brasileirão que a Turner ainda não pagou. Por fim, a venda de produtos do clube também foi afetada pela crise.

Publicidade

Fortaleza negociava com bilionário russo

Em março, o presidente do Fortaleza se reuniu com o bilionário russo Ivan Savvids, em São Paulo. O dono do PAOK, da Grécia, tem interesse em investir em um clube de futebol no Brasil e teria procurado o Fortaleza. O valor do investimento não foi revelado, mas seriam quantias que poderiam colocar o Leão para brigar na parte de cima da tabela do Campeonato Brasileiro. Não houve mais informações sobre o acordo, especialmente após o coronavírus. Depois de passada a pandemia, as conversas podem voltar a acontecer.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Fifa propõe medida importante caso futebol seja retomado com maratona de jogos

Ronaldinho Gaúcho quebra o silêncio a fala sobre prisão no Paraguai