in

Itália bate o martelo e define data para equipes voltarem aos treinos

Divulgação - FIGC
Publicidade

A pandemia do coronavírus impactou diretamente no calendário do futebol mundial. Um dos primeiros países a registrar um índice mais intenso da doença, a Itália tem o seu certame da primeira divisão paralisado desde o dia 9 de março, quando houve um decreto nacional suspendendo as atividades esportivas no país. Passados quase dois meses de hiato, as equipes italianas já sabem quando poderão retomar aos trabalhos de treino.

Através do seu primeiro-ministro, Giuseppe Conte, a Itália anunciou neste domingo (26) que as equipes profissionais poderão voltar às suas respectivas rotinas a partir do dia 18 de maio. 

O Campeonato Italiano foi suspenso restando 12 rodadas para o seu término, e ainda teve quatro jogos da 25ª rodada adiados. A exemplo do certame nacional, a Copa da Itália, que vivenciava a sua fase de semifinal também foi afetada.

Publicidade

Diante deste cenário de evolução, a expectativa é que o Campeonato Italiano seja retomado a partir de junho. O cenário, no entanto, ainda segue indefinido, e caso o futebol no país, grandes são as possibilidades de acontecer sem a presença do público nas arquibancadas.

Publicidade

Segundo Giuseppe Conte, o governo“trabalhará com especialistas” para monitorar a situação e depois “avaliará se existem condições para encerrar os campeonatos suspensos”.

Coronavírus na Itália

Antigo epicentro da pandemia do coronavírus, a Itália está fazendo a “curva” no combate à doença, e já contabiliza um número bem menor de casos. No último balanço divulgado pelos órgãos de saúde, o país contabilizava mais de 197 mil casos. O índice de mortes ultrapassa a casa dos 26 mil – segundo maior índice do mundo, ficando atrás somente dos Estados Unidos, que já registrou mais 55 mil mortes.

Publicidade
Next post

Nem CR7 e nem Messi: Mourinho surpreende ao revelar o maior jogador que já viu no futebol

No Barça? PSG duvida de proposta por Neymar e tem ‘trunfo na manga’, diz jornal