in

Jogo da Champions pode ser investigado por ter sido foco da pandemia do coronavírus

Divulgação - Liverpool

Mesmo estando em menor escala em relação às últimas semanas, a pandemia do coronavírus segue assolando o Velho Continente. Antes da doença vivenciar o seu “pico”, algumas partidas acabaram sendo realizadas com a presença de torcedores. Após o embate entre Atalanta e Valencia ser colocado como proliferador da doença, o jogo Liverpool e Atlético de Madrid será investigado para ser detectado se foi ou não foco da disseminação da Covid-19.

A informação foi revelada pelo prefeito de Liverpool, Steve Rotherdam, na última quinta-feira (23). O jogo em questão ocorreu no dia 11 de março, em Anfield Road, e teve a presença tanto dos ingleses, quanto de torcedores do Atlético de Madrid.

“Se as pessoas foram infectadas como resultado direto de um evento esportivo, que acreditamos que não deveria ter acontecido, é escandaloso. Não apenas foram colocados em perigo os torcedores, mas também todos os funcionários do serviço de saúde e as famílias que podem ter contraído a doença”, disse o prefeito de Liverpool em entrevista à BBC.

Números em Liverpool

Até o momento, a cidade de Liverpool já registrou cerca de 1.200 casos e 246 mortes registradas em decorrência do coronavírus. Diante deste cenário, o futebol internacional segue indefinido para ser retomado.

Depois de mostrar tão determinada a fazer com que todas as federações terminassem seus respectivos certames, a Uefa já deixou em aberto a possibilidade para que competições sejam encerradas caso não haja reais condições. A entidade foca agora suas atenções na busca por alternativas para concluir a Champions League e a Liga Europa.

No duelo contra os Colchoneros em Anfield, o Liverpool chegou a abrir contagem, igualando assim o placar agregado, e ainda fez mais um na prorrogação, mas acabou sendo derrotado de forma surpreendente pelo placar de 3 a 2. O revés acabou culminando na eliminação dos comandados e Jürgen Klopp.

Flamengo surpreende ao tomar iniciativa para não perder sócios-torcedores

Neymar Jr aceita essas duas condições para assinar com o Barça