in

Andrés nega que Corinthians tomou chapéu do Palmeiras em contratação de atacante

Agência Corinthians
Publicidade

Corinthians e Palmeiras são grandes rivais dentro e fora de campo. Nos últimos anos, as equipes fizeram embates famosos pela contratação de jogadores. Em 2015, por exemplo, o meia-atacante Dudu teria sido sondado pelo Corinthians, mas acabou indo para o Palmeiras.

Neste ano, novamente um atacante teve o nome vinculado ao Corinthians, mas acabou no Palmeiras. Trata-se de Rony, que defendia o Athletico-PR e se transferiu para o futebol paulista para defender o Verdão. O Corinthians tomou chapéu? Para o presidente do clube, Andrés Sanchez, não.

Andrés nega chapéu em negócio com Rony

Rony se destacou no Athletico-PR e recebeu propostas para deixar o clube no começo deste ano. Os prováveis destinos eram Corinthians ou Palmeiras. O jogador teria demonstrado vontade de jogar no Timão, mas o negócio não foi adiante e ele acabou contratado pelo Verdão.

Publicidade

Em entrevista ao jornalista Jorge Nicola, do Yahoo, Andrés Sanchez contou que nunca fez proposta oficial por Rony. “O Duílio (Monteiro Alves, diretor de futebol do clube) se encontrou com o empresário dele, porque ele representa vários outros jogadores. Nunca fizemos proposta pelo Rony”, afirmou o presidente do Corinthians

Publicidade

Diretor se encontrou com empresário de Rony

Ainda segundo Andrés Sanchez, os encontros com o empresário de Rony tinha um outro interesse: Michal. “Quem nós tentamos foi o Michael, que acabou indo parar no Flamengo”, disse o presidente corintiano. De qualquer forma, o torcedor do Timão ficou sem nenhum dos dois e sofre com os maus resultados neste ano de 2020.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Negociação com PSG avança e venda de Alex Telles pode beneficiar Grêmio e Juventude

Grêmio: Pepê disputado por três grandes e por muito dinheiro