in

Ronaldinho deixa prisão, mas sofre duro castigo que nem poderia imaginar

G1
Publicidade

Ronaldinho teve uma reviravolta em sua vida desde o dia 4 de março. Nesta data, ele desembarcou em um aeroporto de Assunção, capital do Paraguai, ao lado do irmão Roberto Assis. Os dois se dirigiram a uma sala ainda dentro do aeroporto onde pegaram cédulas de identidade e passaportes falsos.

No mesmo dia, Ronaldinho e Assis receberam a visita de autoridades policiais e foram detidos. Dois dias depois, por decisão da Justiça, os brasileiros foram encaminhados à prisão, onde ficaram por 32 dias, enquanto as investigações eram realizadas e a defesa dos brasileiros tentassem levá-los para a prisão domiciliar.

Publicidade

Ronaldinho deixou prisão e foi para hotel

Ronaldinho deixou a Agrupación Especializada de Assunção, no Paraguai, na última terça-feira (7), após a defesa tentar pela quarta vez um pedido de prisão de domiciliar. O juiz Gustavo Amarilla aceitou o pedido, mas o Ministério Público do Paraguai recomendou que eles fossem acompanhados pela polícia.

Os brasileiros e seu staff estão em um hotel de Assunção. O local tem diárias de quase R$ 2 mil. Apesar de todo o luxo, a vida de Ronaldinho está mais dura agora do quando ele estava preso ao lado de integrantes do crime organizado e de ex-policiais que cometeram crimes.

Publicidade

Vida em hotel não está nada fácil

Ronaldinho mantém contato com a mãe, usa a internet, mas mesmo assim, de acordo com o jornal argentino Olé, o confinamento é muito pior agora. Ronaldinho fica basicamente restrito a seu quarto e não tem mais as partidas de futebol de salão e de futevôlei para relaxar, como tinha na prisão. O confinamento no hotel é um castigo que nem mesmo Ronaldinho esperava.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Grêmio tem estrela apontada ao Real Madrid

Brasileirão: CBF planeja jogos sem torcida, com todos as partidas em SP e mata-mata