in

Caso Ronaldinho: craque busca R$ 8,3 milhões na Europa e paga fiança para deixar prisão

G1
Publicidade

Ronaldinho e seu irmão, Roberto Assis, saíram da cadeia depois de 32 dias. No dia 6 de março, eles foram presos na Agrupación Especializada, em Assunção, capital do Paraguai. Os dois foram detidos no dia 4 de março com passaportes e cédulas de identidades falsificadas. Os dados eram verdadeiros, mas pertenciam a duas mulheres.

Desde então, Ronaldinho e Assis foram uma prisão de segurança máxima construída dentro de um quartel da capital do Paraguai. A defesa do ex-jogador e de seu irmão tentaram por quatro vezes enviá-los para a prisão domiciliar e só conseguiu nesta terça-feira (7).

Publicidade

Justiça concede prisão domiciliar a Ronaldinho

O juiz Gustavo Amarilla julgou o caso e concedeu prisão domiciliar para Ronaldinho e Assis. Os dois foram para um hotel de luxo da capital do Paraguai. A diária varia de R$ 340 a R$ 1.700, de acordo com o quarto escolhido. A polícia vai acompanhá-los em todo o tempo. O objetivo é evitar que eles fujam para o Brasil.

Saiba como Ronaldinho pagou fiança

A fiança de Ronaldinho e Assis custou 1,6 milhão de dólares. Cerca de R$ 8,3 milhões na cotação atual. De acordo com o site argentino Infobae, Ronaldinho usou dinheiro que tinha em uma conta na Europa. O valor foi transferido para um dos seus advogados e, em seguida, encaminhado ao Banco Nacional do Fomento, o BNDEs paraguaio para traçar um paralelo com o Brasil.

Publicidade

As contas de Ronaldinho no Brasil parecem estar com problema. Em 2015, ele e Assis foram processados por construírem um atacadouro e uma plataforma de pesca no Lago Guaíba, em Porto Alegre. A multa de R$ 8,5 milhões ainda não foi paga. Em novembro de 2018, a Receita vasculhou as contas de Ronaldinho e encontrou apenas seis dólares nelas. Por este motivo, o passaporte do jogador foi apreendido, por decisão do Tribunal da Justiça do Rio Grande do Sul.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Next post

Mercado da bola 2020: lateral Mariano entre dois gigantes do futebol brasileiro

Cruzeiro: medalhão assume culpa pelo rebaixamento no Brasileirão