in

Cruzeiro: Adilson Batista diz o que muitos torcedores queriam dizer ao ser demitido

Divulgação Cruzeiro
Publicidade

Adilson Batista não é mais o treinador do Cruzeiro. Depois de uma suposta ter demissão ter sido anunciada na semana passada e a diretoria cruzeirense negar oficialmente, agora, de fato, o treinador deixou o comando do time mineiro.
Adilson chegou ao Cruzeiro no fim do ano passado, nas rodadas finais do Campeonato Brasileiro, e não conseguiu impedir que o clube fosse rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro pela primeira vez em sua história. 

Adilson atira para todos os lados em entrevista

Na entrevista coletiva após derrota para o Coimbra, por 2 a 1, o treinador Adilson Batista confirmou que estava demitido e disse coisas que muitos torcedores do Cruzeiro queriam dizer. O agora ex-treinador afirmou que segue na torcida e se declarou chateado pelos resultados recentes. Neste ponto, ele assumiu também sua culpa nos resultados ruins.

Publicidade

“Tive a coragem de pedir para que determinados jogadores saíssem. Ajudei nesse processo, com o clube numa bagunça, uma desordem. Atletas tomaram conta do clube, derrubaram o Mano (Meneses), meu amigo, Abel (Braga), Rogério Ceni, tomaram conta do clube”, afirmou Adilson.

Jogadores foram criticados por rebaixamentos

Atletas como Thiago Neves, hoje no Grêmio, e Dedé, que treina separado e aguarda propostas, colaboraram para o clima instável dentro do clube. Outros medalhões, como Rodriguinho e Fred, também deixaram a equipe. Alguns jogadores teriam colaborado para que o treinador Rogério Ceni fosse demitido.

Publicidade

Na demissão do treinador, a torcida se colocou ao lado dele e contra os jogadores, mas a direção do Cruzeiro decidiu mandar o treinador embora. Ceni voltou ao Fortaleza e continuou fazendo um ótimo trabalho na equipe cearense.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Next post

Renato Portaluppi e clubes pressionam e federação suspende Campeonato Gaúcho

Flamengo e Globo chegam a acordo por transmissão do Carioca, mas tudo acaba mal