in

Sérgio Moro e a última envolvendo a prisão de Ronaldinho Gaúcho: ‘É um ídolo nacional’

Reprodução/Globo Esporte
Publicidade

O futebol brasileiro sempre foi reconhecido pela qualidade de seus jogadores e também ousadia em sua forma de atuar dentro das quatro linhas. Um bom exemplo da habilidade nacional foi Ronaldinho Gaúcho, atualmente aposentado, que chegou até mesmo a conquistar a Bola de Ouro.

Sérgio Moro sobre intervenção

O ex-jogador Ronaldinho Gaúcho foi preso recentemente no Paraguai, após chegar ao aeroporto com passaportes falsos, e segue em regime fechado até a apuração da acusação e a condenação ou absolvição de todos os envolvidos. O Ministro da Justiça, Sérgio Moro, falou sobre a prisão do astro nacional e negou a informação de ter havido qualquer intervenção.

Publicidade

“O que aconteceu foi que eu recebi a informação de que o jogador e o irmão tinham sido presos e, veja, é um cidadão brasileiro, é um ídolo nacional. Apenas houve uma ligação para uma autoridade paraguaia para colher informações do que tinha acontecido. Em nenhum momento houve qualquer pedido ou interferência na soberania da Justiça paraguaia”, declarou o Ministro da Justiça em sua entrevista à Globo News.

Carreira

Ronaldinho Gaúcho foi um dos maiores meio-campistas da história do futebol brasileiro e chegou a atuar por longo período com grande destaque no futebol europeu. O craque vestiu a camisa de clubes como Barcelona, Milan, Paris Saint Germain fora do país e, em território nacional, defendeu Grêmio, Flamengo e Atlético-MG.

Publicidade

E para você leitor, o astro brasileiro Ronaldinho Gaúcho deveria ser liberado pela justiça paraguaia ou seguir preso até que seja apurada a investigação? Deixe sua opinião nos comentários.

Publicidade
Next post

Abriu os cofres? Jorge Sampaoli e os últimos três reforços para mudar tudo no Atlético

Bruno Henrique é atacado após perícia confirmar CNH falsa: ‘Vai preso?’