in

Honda com coronavírus? Botafogo adia estreia do jogador e médico explica estado de saúde

Divulgação Botafogo
Publicidade

O atacante Honda foi a principal contratação do Botafogo para a temporada de 2020, mas ainda não estreou. A torcida aguarda com ansiedade este momento especial. O japonês foi recebido com festa quando chegou e a comemoração deve ser ainda maior ainda em sua estreia.

O primeiro jogo de Honda com a camisa do Botafogo seria contra o Paraná, pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil, nesta terça-feira (10), no Estádio Nilton Santos, o Engenhão, mas o jogador pegou uma gripe e, sem estar 100%, preferiu adiar a volta aos gramados.

Honda está com coronavírus?

Assim que as informações sobre a gripe de Honda  passaram a ser divulgadas, começaram a surgir boatos de que ele estaria com coronavírus. A Covid-19 se tornou uma epidemia mundial e tem afetado milhões de pessoas em todo o mundo. Diante dos boatos, o botafogo se posicionou oficialmente.

Publicidade

Cristiano Cinelli, médico da equipe, esclarece a situação de Honda. “Em época de coronavírus as pessoas ficam cheias de alarde, mas é pra elucidar a questão do Honda. De sexta para sábado ele veio com uma gripe normal e teve uma febre de 37,4. No domingo ele estava sem febre e dor no corpo. De ontem para hoje, 24h, está sem febre, assintomático”, explicou o médico.

Publicidade

Honda pede desculpas à torcida

Pelo Twitter, com um português correto, Honda pediu desculpas aos torcedores do Botafogo por estar fora da partida contra o Paraná. A estreia do jogador deve acontecer no fim de semana, contra o Bangu, pelo Campeonato Carioca. A torcida entendeu e torce para que ele esteja recuperado nos próximos dias.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Gerson foi punido pela CBF? Verdade vem a tona em rede nacional e surpreende

Corinthians: Tiago Nunes passa a ser questionado como treinador do Timão