in

Coronavírus afeta PSG de Neymar Junior: o que faltava ao brasileiro

Sportbuzz
Publicidade

O coronavírus está atingindo a França e as coisas não estão tão boas, quando o país já anunciou sua quarta morte com esse vírus e são quase 300 os infetados. O vírus começou na China, mas a pouco e pouco está se espalhando por todo o mundo e a França não é exceção e o governo planeja mesmo ativar o alerta epidêmico máximo. No momento, tem já algumas escolas fechadas e alguns times de futebol estão trabalhando à porta fechada e é grande o medo de que algum jogador pegue o vírus.

Coronavírus pode prejudicar o PSG

Em Paris, a histeria seria ainda maior, até porque é uma das cidades mais visitadas do mundo. Então, o PSG pode ser o primeiro grande clube afetado na França e já se fala que o jogo de volta com o Borussia de Dortmund, da Champions League, possa ser um jogo sem torcedores ou mesmo em outro estádio. Isso poderia ser devastador para o time de Neymar Junior.

O PSG precisa virar esse resultado, porque eles perderam o jogo de ida, por 2 a 1 na Alemanha, e eles estavam contando com o apoio da torcida para virar a eliminatória. Porém, por culpa do coronavírus, isso poderia não acontecer. Até o momento, a UEFA está se recusando em cancelar a competição, mas os medos que o vírus possa se espalhar mais ainda com toda essa multidão assistindo a partida é cada vez mais real.

Publicidade

UEFA atenta com aumento dos infetados

Até o momento, a Inter de Milão jogou de porta fechada com o Ludogorets, para a Europa League, e vários jogos na Liga italiana e Copa estão sendo cancelados. Na Europa, o maior foco do vírus está sendo na Itália com mais de 1000 infectados. Porém, nos outros países, as partidas vêm decorrendo com normalidade, mas o coronavírus está aumentando muito o número de casos em países como França, Alemanha e Espanha. Por isso, a UEFA pensa tomar medidas sem precedentes.

Publicidade

Neymar e o seu PSG poderiam ser os grandes afetados. Claro que primeiro de tudo tem que vir a segurança de todos, mas esse jogo é realmente muito importante para o time francês, que faz tempo que não supera essa fase da Champions. No momento, eles estão em desvantagem e o coronavírus pode tornar quase impossível o retorno contra a equipe de Haaland e Jadon Sancho.

Publicidade
Next post

Torcida do Palmeiras elege Ramires e Bruno Henrique vilões na estreia na Libertadores

Ronaldinho recebe visita de autoridades do Paraguai por documento falso e tudo acaba mal