in

Ricardo Goulart no Cruzeiro? Saiba quem são os jogadores no pacotão de reforços da raposa

Reprodução/Globo Esporte
Publicidade

O Cruzeiro passa por um complicado período de reconstrução em sua história e busca se adequar ao novo orçamento do clube para a temporada. Com o rebaixamento à segunda divisão nacional, o time precisou modificar seu elenco no mercado da bola e busca reforços que se encaixem em sua atual realidade financeira.

Ricardo Goulart no Cruzeiro?

O meia-atacante Ricardo Goulart, de 28 anos de idade, é um dos ídolos da torcida do Cruzeiro e seu retorno vem sendo frequentemente especulado na Toca da Raposa. O jogador defende atualmente o Guangzhou Evergrande, da China, e a competição local está paralisada devido ao Coronavírus.

Os familiares de Ricardo Goulart já estão no Brasil para fugir da epidemia e seu destino pode ser o mesmo. O meio-atacante está sendo cotado como novo reforço do Cruzeiro, no entanto, precisa se adaptar à realidade financeira do clube para ser anunciado.

Publicidade

Pacotão de reforços

O Cruzeiro ainda analisa também a chegada de outros nomes importantes para seu elenco. Em negociação com o Palmeiras, o time mineiro tenta a contratação de Jean, Diogo Barbosa e Iván Ângulo. Vale salientar que as conversas estão avançando positivamente em pró da raposa.

Publicidade

Outros nomes como Camilo, que faz grande Campeonato Paulista pelo Mirassol, e Foguinho, que defende o Criciúma, também estão na mira como possíveis reforços. Já Régis, do Bahia, está cada vez mais distante e um acordo parece improvável no momento.

O zagueiro Marllon, de 27 anos de idade, estava no Corinthians e chegou a um acordo para defender o Cruzeiro. O jogador vai passar por exames médicos e poderá assinar contrato em breve.

E para você torcedor, o Cruzeiro chega à disputa do Brasileirão Série B como o grande favorito ao título da competição? Deixe sua opinião nos comentários.

Publicidade
Next post

Flamengo é pego de surpresa e pode perder Jorge Jesus: ‘proposta de gigante da Europa’

Bruno Henrique e o que pode acontecer com ele após perícia na CNH