in

Santos e Atlético MG se envolvem em polêmica por Soltedo

ESPN
Publicidade

José Carlos Peres, presidente do Santos, criticou duramente o que classificou como assédio a Yeferson Soteldo, cometido pelo Atlético Mineiro durante o período pré-renovação contratual do jogador.

Contando com a colaboração do Huachipato, que detém 50% dos direitos econômicos do passe, o Galo fez uma oferta milionária de R$ 51 milhões, e estava confiante de que teria sucesso em sua abordagem.

Publicidade

Porém, os termos do contrato de Peres garantiam a prioridade do time paulistano, que caso tivesse interesse, deveria cobrir a oferta pelos 50% do passe. Então, apesar da pressão do clube chileno para a transferência, o Santos cobriu a oferta em uma negociação tranquila com os agentes do jogado e garantiu a permanência do mesmo no time.

A abordagem do time mineiro para adquirir o jogador foi considerada ofensiva e invasiva, porém, as tentativas de transferência foram infrutíferas, e o Atlético acabou contratando outro jogador venezuelano para integrar o seu time.

Publicidade

Irritado, Peres declarou a intenção de realizar uma denúncia formal junto a Confederação Brasileira de Futebol, já que considerou a postura do Atlético como desrespeitosa, já que em momento algum, Santos ou o treinador foram contatados pelo time mineiro para alguma possível negociação amistosa. O treinador apontou ainda que a abordagem do Galo causou um stress desnecessário no ambiente do time; algo que poderia ser minimizado caso houvesse um melhor diálogo ente Atlético e Santos no momento da possível negociação.Ele ainda comparou a postura de outros times, como o Corinthians, que realizam conversas amistosas sobre o futuro de seus jogadores, para que haja um acordo em comum.

Publicidade
Avatar

Escrito por Beka Assis

Redatora e curiosa, é uma entusiasta de gadgets, jogos e utilidades. Adora escrever e experimentar inovações que podem tornar a vida mais prática.

Next post

Palmeiras: jogador perto da saída e compromete aspirações do Verdão

Grêmio fecha com novo patrocinador