in

Mercado da bola: Flamengo recua na contratação de substituto de Rafinha; valores altos

Divulgação Atlético Nacional
Publicidade

O Flamengo segue de olho no mercado, em busca de um jogador que possa ser reserva de Rafinha na lateral direita. Encontrar este nome não tem sido nada fácil. O Fla chegou a disputar Daniel Muñoz, do Atlético Nacional, da Colômbia, com o Palmeiras, mas no momento o negócio está parado.

O Flamengo consultou o time colombiano e, segundo reportagem do Globo Esporte, ficou assustado com os valores pedidos pelo Atlético. Talvez a quantia seja reflexo de como o Rubro-negro está sendo visto no mercado da bola.

O time brasileiro está muito estruturado financeiramente e os resultados estão sendo visíveis dentro e fora de campo. Nos últimos anos, o Flamengo ganhou muito dinheiro com a venda de jogadores. a mais recente foi a contratação de Reinier pelo Real Madrid.

Publicidade

Só falta mais um lateral-direito ao Flamengo

Na entrevista coletiva após a classificação para a final da Taça Guanabara, o treinador Jorge Jesus comentou que ainda faltava uma peça no elenco rubro-negro. É justamente este lateral-direito reserva de Rafinha. 

Publicidade

O Flamengo fez grandes contratações na janela de transferência e reforço a zaga, o meio-campo e o ataque. No momento, os laterais reservas são jogadores da base, muito jovens. Daniel Munõz também é jovem, tem 23 anos, mas com uma rodagem grande.

Medo de perder Rafinha durante a temporada

Rafinha é o dono da lateral direita do Flamengo e, possivelmente, o melhor lateral-direito em atividade no Brasil. O Flamengo teria medo de perder o jogador durante a temporada, por alguma lesão, ou ter que poupá-lo devido ao cansaço. O Rubro-negro só tem torneios e jogos importantes em 2020.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

Corinthians tenta renovação, mas craque tem proposta muito mais alta

Messi não esconde mais: quer jogar com Neymar e Lautaro