in

Flamengo: médico se desespera com lesão de Bruno Henrique e resultado dos exames é revelado

Alexandre Vidal / Flamengo
Publicidade

O atacante Bruno Henrique é um dos principais jogadores do Flamengo. Neste ano, ele começou com tudo e tem confirmado toda a sua importância para a equipe comandada por Jorge Jesus. Nesta quarta-feira (19), o Rubro-negro começou a decidir o título da Recopa Sul-Americana contra o Independiente del Valle.

O jogo terminou empatado por 2 a 2, no Equador, e Bruno Henrique foi o autor do primeiro gol do Flamengo na partida, quando o time equatoriano vencia por 1 a 0. No momento do gol, porém, o camisa 27 deu um susto na torcida rubro-negra.

Publicidade

Bruno Henrique ganhou do zagueiro na corrida e tocou na saída de Pinos. Ele e o goleiro se chocaram e o flamenguista levou a pior no lance. O atacante ficou caído e rapidamente foi atendido pelos médicos e substituído.

Médico se desespera com lesão do atacante

Ao fazer o gol, Bruno Henrique, caído, olha a bola entrando e, logo em seguida, começa a se contorcer de dor, permanece no chão e recebe atendimento médico. O jogador não conseguia pisar, saiu de campo de maca e foi direto para o hospital fazer exames.

Publicidade

“Um grande susto, um basta susto. Aqui no Equador temos o histórico do Diego recente. A gente teve agora esse susto, mas graças a Deus não foi nada demais”, afirmou o médico João Marcelo, que acompanhava a delegação rubro-negra no Equador.

Lesão de Bruno Henrique é descartada

O doutor João Marcelo explicou que foi feita uma radiografia em Bruno Henrique e o exame não constatou nenhum tipo de fratura no atacante. Este era o medo da equipe médica rubro-negra. O camisa 27 é um dos principais jogadores do time. O jogador passará por mais avaliações durante a semana.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Next post

Atacante do Flamengo sofre grave lesão e deverá ficar afastado por quatro meses

Botafogo: Paulo Autuori tem papo reto com Yayá Touré: ‘ridículo calendário’