in

Santos pode receber até R$ 429,7 milhões em indenização por conta da novela com Cueva e Pachuca

Ivan Storti/Santos FC
Publicidade

Santos, Cueva e Pachuca continuam em uma briga por conta da ida ao jogador para o México. O peruano deixou o Peixe pela porta dos fundos sem dar justificativas e foi integrado ao novo clube. Com isso, a equipe brasileira pleiteia junto à Fifa o pagamento de uma indenização, e de quebra amenizar a dívida que tem junto ao Krasnodar-RUS de US$ 7 milhões (R$ 30 milhões) relativa à compra do jogador.

Nesta sexta-feira (14) a Fifa autorizou que Cueva seja regularmente inscrito como jogador do Pachuca. Até então ele estava autorizado apenas a treinar. Declarou ainda que o Santos está em seu direito ao exigir uma indenização, e aguarda no mínimo que ela seja fixada nos 7 milhões de dólares que deve aos russos. No melhor dos cenários, poderia chegar aos US$ 100 milhões (cerca de R$ 429,7 milhões), valor relativo à multa contratual do jogador.

A dívida que o Santos tem com os russos ainda está de pé. O clube deverá arcar com o pagamento dos US$ 7 milhões em três parcelas anuais, respectivamente em 2020, 2021 e 2022, valores acertados em 2019. Com relação à Cueva, não há mais nenhum débito. Salários, direitos de imagem e demais encargos trabalhistas estão devidamente quitados.

Publicidade

Para a Fifa, não há mais vínculo entre Cueva e o Peixe

A Fifa entende que o peruano está livre, após ter pedido rescisão contratual. Ele até chegou a ter um contrato de trabalho (como funcionário do clube) válido por quatro anos, o que permitiu o empréstimo por uma temporada e mais os três anos em definitivo. Todavia, como um terceiro contrato, o de registro na CBF, não foi assinado pelo meia, a entidade máxima do futebol entende que não há mais vínculo contratual junto ao Santos.

Publicidade

Alegação do Santos é de desrespeito ao pré-contrato

A alegação da diretoria santista é que houve desrespeito ao pré-contrato por parte de Cueva, e que o pedido da rescisão contratual ocorreu sem justa causa. Com isso, o Santos insiste em pedir o pagamento de no mínimo 7 milhões de dólares para poder se livrar da dívida que tem junto ao Krasnodar.

Publicidade
Avatar

Escrito por Henrique

Henrique Furtado é um redator que gosta de ocupar o seu tempo livre lendo notícias, e noticiando aquilo que acha mais interessante.

Next post

Corinthians irá se desfazer de jogadores após eliminação e já abre conversas por atacante

Se desculpa com Messi e quer voltar ao Barcelona