in

Messi perto da saída: astro tem esses cinco times correndo atrás

AFP
Publicidade

As coisas não vão nada bem no Barcelona. O ambiente está se agravando cada vez mais e, dessa vez, nem o capitão Lionel Messi ficou fora da bagunça. O argentino saiu mesmo publicamente, criticando Eric Abidal e toda a diretoria do time catalão. Para agravar mais ainda o problema, o Barcelona não resistiu perante o Athletic de Bilbau e ficou fora da Copa do Rei.

Messi respondeu forte contra Abidal

A semana não tinha começado nada bem para o Barcelona. Messi não gostou das declarações de Abidal, seu antigo companheiro de equipe, e respondeu no Instagram. O agora diretor esportivo do Barça culpou alguns jogadores do elenco pela saída de Ernesto Valverde, falando que “alguns jogadores” não trabalhavam tanto quanto eles deveriam. Abidal deixou entender que alguns jogadores poderiam ter dificultado mais ainda a situação do antigo treinador, e ele falou isso para a mídia.

Publicidade

Messi não achou a menor graça e saiu rapidamente em defesa de seus companheiros, falando que eles, os jogadores, sempre assumiam seus erros e que, talvez, a diretoria deveria fazer o mesmo, no lugar de ficar acusando sem mandar nomes para o ar. Messi retribuiu, então, culpas para a diretoria e para Abidal, como se percebe.


“Somos os primeiros reconhecendo quando não vamos bem. Os responsáveis pela área de gestão esportiva também devem assumir suas responsabilidades e, acima de tudo, se encarregarem das decisões que tomam. Acho que quando falamos de jogadores, devemos dar nomes, porque, caso contrário, estamos sujando o nome de todos e alimentando coisas que são ditas e que não são verdadeiras”
, atirou o argentino, meio enfurecido.

Publicidade

Messi pode deixar Barcelona de graça

Nos últimos dias, a mídia vinha se atirando um pouco contra o Barça e Messi sentiu que essas declarações de Abidal poderiam agravar. Se antes falavam em possível crise no Barcelona, parece que esses ataques apenas vieram confirmar tudo, na verdade. O clima no Barça está, portanto, pior que nunca e, como se sabe, Messi tem uma cláusula em seu contrato que permite a ele sair, de graça, no final dessa temporada.

Para isso, ele só precisa avisar a diretoria com alguma antecedência, até porque interessados não estão faltando. De acordo com o jornal italiano ‘Gazzetta delloSport’, Messi tem cinco grandes times correndo atrás e que vão tentar aproveitar toda essa turbulência em Barcelona, para levarem o melhor jogador do mundo de 2019.


Manchester City, Manchester United, Juventus, Inter de Milão
e PSG estariam na primeira linha para levar o astro argentino. Depois de toda uma carreira dedicada a um só clube, o craque de 32 anos de idade poderia, finalmente, aceitar um novo desafio. Os fãs do Barcelona estão temendo o pior, nesse momento, com toda a controvérsia, no Camp Nou.

Publicidade
Next post

Flamengo: Jorge Jesus tem atitude surpreendente e brasileiros nem acreditam

De saída? Grêmio bate o martelo sobre futuro de mais um jogador: ‘buscar novos ares’