in

Conheça a Ligay, a liga de futebol gay do Brasil que já tem mais de 60 equipes

UOL

Existem gays no futebol? Essa é uma pergunta que gira em torno do ambiente machista do maior esporte do Brasil. Não só existem como o Brasil tem uma liga de futebol dedicada aos homens assumidamente gays, a Ligay. Disputada todos os anos, a Ligay já tem mais de 60 equipes espalhadas por todo o Brasil.

Ex-jogador do Botafogo se assume homossexual e é um dos grandes nomes da Ligay

A competição tem jogadores que já foram profissionais, mas se sentiam excluídos dos seus clubes por conta da sexualidade. Um deles é Douglas Braga de Oliveira. Ele atuou como destaque em vários clubes brasileiros, entre eles, o Botafogo.

Douglas encerrou a carreira ainda muito jovem. Ele tinha apenas 21 anos, quando desistiu do futebol. Ao todo, foram dez anos sem pisar nos gramados, mas na Ligay, a Liga Nacional gay de futebol, ele se encontrou.  

Douglas diz que acha triste ter abandonado o futebol por ser gay e não ser aceito. “Tive que abandonar um sonho pelo qual lutei desde os meus 12 anos por não me sentir pertencente a um ambiente. É dolorido saber que minha capacidade e minhas qualidades seriam validadas pela minha orientação”, disse o jogador da Ligay em entrevista ao portal de notícias UOL neste domingo, 26 de janeiro. 

Brasil faz história no futebol gay e equipe conquista vice-campeonato mundial no Gay Games

Hoje o jogador atua pelo Beescats. O atleta conta que a Ligay prova que é possível ser gay e um bom atleta. O que começou para se divertir, hoje é uma competição séria e onde atuam grandes homens. A equipe Beescats é hoje vice-campeã mundial dos Gay Games. 

Avatar

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

Next post

Medalhão do Corinthians recebe forte aliciamento de clube da Série A e pode estar de saída

Gabigol e um pedido de última hora antes de assinar com o Flamengo: ‘segunda chance’