in

Crise sem fim: Vasco gasta mais de 1 milhão com encostados e tenta rescisão de contratos

Premiere
Publicidade

O Vasco da Gama é um dos clubes mais tradicionais do futebol brasileiro. Com uma imensa e fanática torcida, o clube de origem portuguesa possui todos os requisitos para continuar sendo grande no futebol brasileiro, entretanto, a crise financeira do clube impede que o sucesso de outrora volte a encher de alegria a torcida vascaína.

Segundo informações publicadas no portal UOL, o Vasco paga mais de 1 milhão de reais para jogadores que estão lesionados e fora de atividades, agora, com o início de 2020, a meta da diretoria é rescindir contratos para tentar diminuir a folha salarial, que hoje está avaliada em mais de 4 milhões de reais.

Diretoria quer que Alexandre Campello tente rescisões de contratos

Em reunião feita no início deste ano, houve uma grande discordância em relação ao futuro financeiro do clube. O presidente do Vasco, Alexandre Campello defendeu uma estratégia mais ousada, a de aumentar ainda mais a folha salarial e trazer ao clube contratações de peso, outros, mais conservadores defenderam a rescisão de contratos de jogadores afastados e que provavelmente não serão utilizados em 2020.

Publicidade

Os casos de Claúdio Winck, Galhardo, Bruno César, Ramon, Caio Monteiro e Breno, este último com uma contusão seriam os jogadores que se tiverem suas remunerações somadas, custam ao Vasco mais de 1,5 milhão mensais.

Publicidade

Discussão sobre jogadores não utilizados causou racha na diretoria

Os diretores mais conservadores defendem um acordo com os empresários dos jogadores afastados para que haja uma rescisão. O fato de Campello defender uma estratégia mais ousada causou um racha na diretoria, segundo o UOL.

Enquanto não há uma unanimidade e uma solução, o clube continua acumulando dívidas trabalhistas por salários atrasados de ex-jogadores, que cobram o clube pelas dívidas não pagas pela diretoria, jogadores que já saíram e alguns que ainda estão no elenco, inclusive funcionários do clube sofrem com o atraso de salários.

Publicidade
Avatar

Escrito por Rodrigo Monteiro

Um dos primeiros redatores da melhor plataforma de jornalismo independente da internet, a I7 network, já trabalhou em outras plataformas, sempre escrevendo notícias em primeira mão para quem gosta de viver bem informado.
Os principais assuntos do mundo esportivo, do mundo dos famosos e da política estão aqui, com textos leves e interessantes, Rodrigo Monteiro faz parte do grupo de colunistas do Radar Esportes, TV Prime, 1News e I7 News quatro portais de notícias mais populares da internet.

Next post

Mercado da bola: craque do futebol internacional pode desembarcar no Botafogo

Mercado da bola: Rony quer jogar no Corinthians, mas pode acabar no Palmeiras