in

Neymar e o negócio de R$ 813 milhões que o colocaria de volta no Barcelona

Divulgação PSG
Publicidade

Parece não ser segredo para ninguém que o sonho de Neymar Jr. é retornar ao Barcelona, de onde saiu para o Paris Saint-Germain, há três anos. Na janela de transferências do meio do ano – início da temporada europeia -, o jogador tentou sair, mas não conseguiu.

Diante da insistência em deixar o clube francês, Neymar passou a ser criticado por torcedores. Nos primeiros jogos da temporada, ele foi vaiado. Só agora, quase seis meses depois, o camisa 10 voltou a ter um pouco mais de paz com a torcida.

Publicidade

Neymar tem jogado muita bola e tem ajudado o PSG a vencer seus jogos no Campeonato Francês. Apesar disso, há quem fale que o atleta ainda continua querendo retornar ao Barcelona.

Cláusula da Fifa possibilitaria retorno de Neymar ao Barça

A contratação de Neymar pelo Barcelona não é mais simples, mas o clube catalão poderia apelar a uma cláusula da Fifa para recontratar o atacante de 28 anos.

Publicidade

O Regulamento sobre o estatuto e transferência de jogadores da Fifa tem uma regra em que afirma que jogadores que estão há três anos ou três temporadas em um clube e que assinaram contrato antes dos 28 anos, caso de Neymar, podem ser contratados por outro clube por um valor específico.

Barcelona teria que investir mais de R$ 800 milhões

O cálculo para definir o valor dos direitos econômicos do jogador leva em conta alguns fatores: valor da compra, depreciação e o que resta a receber de salário dentro do contrato.

No caso de Neymar, os cálculos do próprio Barcelona indicam algo em torno de 180 milhões de euros (R$ 813 milhões na cotação atual). É muito dinheiro. Resta saber se o clube catalão quer arcar com esse valor para ter o craque brasileiro novamente em seu plantel.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Next post

Real Madrid quer levar craque brasileiro do Flamengo

Bruno Henrique e o contrato vitalício com o Flamengo que empolgou a torcida